Vale adiantará R$ 160 milhões a fornecedores em pacote de ajuda por crise do coronavírus

A mineradora Vale anunciou pacote de ajuda temporária a fornecedores durante a crise causada pela pandemia do coronavírus que inclui o adiantamento de mais de 160 milhões de reais em pagamentos a pequenas e médias empresas, informou a companhia em comunicado hoje.

Os pagamentos por serviços já realizados e materiais entregues serão feitos antes mesmo do vencimento das faturas, o que beneficiará mais de mil fornecedores em todo o país, segundo a empresa.

Veja nota oficial da Vale;

A Vale anunciou hoje (24/03) uma série de medidas de suporte para seus fornecedores durante a crise provocada pela epidemia do coronavírus. A estimativa é que a empresa injete cerca de R$ 160 milhões na economia nos próximos dias somente com a antecipação de pagamentos para pequenas e médias empresas.

“No momento em que o país passa por uma grande incerteza, usaremos nossa rede de distribuição, presença na base da cadeia produtiva e capacidade de mobilização para ajudar os nossos fornecedores a enfrentar os impactos dessa pandemia, sempre primando pela saúde e segurança das pessoas.”, afirma Alexandre Pereira, diretor-executivo de Suporte ao Negócio.

As medidas anunciadas são as seguintes:

1. A Vale adiantará, antes mesmo do vencimento das faturas, os pagamentos às pequenas e médias empresas por serviços já realizados e materiais entregues. Serão desembolsados com essa ação mais de R$ 160 milhões. A medida deverá beneficiar mais de mil fornecedores de todo o país.

2. Nos próximos 30 dias a Vale reduzirá em até 85% o prazo de pagamento de serviços e materiais que ainda serão faturados para cerca de 3 mil fornecedores de pequeno e médio portes.

3. A Vale também suportará financeiramente as empresas e trabalhadores da construção civil de projetos que a empresa está suspendendo. A suspensão tem dois objetivos: reduzir a circulação de pessoas nas instalações da empresa, – aumentando a segurança dos próprios trabalhadores terceirizados e dos empregados que seguem atuando nas funções essenciais da operação, e concentrar recursos em atividades essenciais para o País neste momento. Não haverá impacto sobre obras relacionadas à segurança de barragens.

A Vale atua em conformidade com os protocolos de saúde e segurança estabelecidos pelas autoridades e agências de cada um dos países em que opera e está monitorando o desenvolvimento da situação.

Rua Olimpio Diniz N° 269 Passágem de Mariana

Mariana-MG-Cep: 35421-000 - Tel: (31) 3558-4660/ 98844-8976

E-mail: oespeto@gmail.com

© Jronal O Espeto.com.br - 2019

Card image Card image Card image
...