Casa de Apoio a pacientes, em Belo Horizonte, completa dois anos de funcionamento

    A Casa de Apoio, localizada em Belo Horizonte, completou dois anos de funcionamento. O espaço recebe os pacientes atendidos pelo Tratamento Fora de Domicílio (TFD), bem como os familiares e acompanhantes, com um atendimento de qualidade, segurança, conforto e tranquilidade.

    Para receber notícias no seu WhatsApp clique aqui

    E para receber notícias da nossa página no Facebook

    O acolhimento é feito diariamente, dando suporte para as pessoas que vão até a capital mineira realizar atendimento e acompanhamento médico.

    Desde a inauguração, o local já recebeu cerca de 40 mil pessoas, que desfrutam de um ambiente confortável e seguro para aguardarem pelo atendimento médico nos hospitais da capital.

    A Prefeitura de Mariana oferece café da manhã, almoço, café da tarde e jantar para os pacientes que se hospedam até o dia seguinte. Nesses dois anos, mais de 60 mil refeições foram servidas aos pacientes e seus acompanhantes. O município oferece também o transporte para ir até Belo Horizonte, assim como para a locomoção até a unidade de atendimento médico, na capital mineira.

    De acordo com William Oliveira, administrador do espaço, são investidos mensalmente, cerca de R$30 mil para custear aluguel, alimentação, transporte de funcionários, entre outros serviços.

    Ana Lúcia Ferreira, moradora do bairro Vila Maquiné, em Mariana, precisou do serviço e reforça a importância da Casa de Apoio para os marianenses. “Para mim o próprio nome já diz tudo, dar apoio e toda atenção a quem precisa. O acolhimento é excelente, tanto para quem consulta, quanto para os acompanhantes dos pacientes”, ressaltou.

    Júlio César Ferreira, morador do bairro Cabanas, precisou se hospedar na casa de apoio para acompanhar o tratamento médico do seu filho e enaltece a importância do espaço e do acolhimento que recebeu em um momento difícil da sua vida. “Quero agradecer a Secretaria de Saúde, aos motoristas e todos os funcionários da Casa de Apoio, que me acolhem e auxiliam com tanto carinho e dedicação”.

    Localizada próximo à área hospitalar, a casa possui capacidade para receber em média 120 pessoas. No entanto, durante a pandemia do coronavírus, por questões de segurança e preservação da saúde dos usuários, o espaço está atendendo 50% da sua capacidade total.

    NOVOS PROJETOS: Para oferecer ainda mais conforto e segurança a todos que precisam se hospedar na Casa de Apoio, um novo projeto de acessibilidade está sendo desenvolvido para a adaptação do espaço, dando suporte para deficientes físicos que precisarem dos serviços oferecidos pelo local.

    Foto: Marcella Pontes–

    Prefeitura de Mariana