Prefeitura de Ouro Preto se reúne com expositores da Praça do Artesão para dar início à reforma do local

    Por: Patrícia Souza

    Na última quinta-feira, 31 de março, a Secretaria de Cultura e Turismo se reuniu com os expositores da Praça do Artesão, localizada no distrito de Cachoeira do Campo, para discutirem assuntos sobre a estrutura do espaço, adequação e reforma do local.

    Para receber notícias no seu WhatsApp clique aqui

    E para receber notícias da nossa página no Facebook

    Se inscreva no nosso canal do you tube para receber nossas reportagens, clique aqui


    A Praça do Artesão começou a ser construída em 2008, em convênio com o Ministério do Turismo, e foi inaugurada em outubro de 2012. Desde então, nunca houve manutenção, inspeção e reforma do local. A gestão do espaço também foi comprometida pela falta de fiscalização, ocorrendo invasão e alteração em alguns boxes, além dos contratos vencidos, sem as devidas renovações.

    O novo Comitê Gestor da Praça do Artesão, que tomou posse no dia 23 de março de 2022, levantou débitos acumulados dos artesãos que possuem licença e todos os problemas estruturais e prioritários existentes no local. Foi também apresentada aos representantes da Praça do Artesão a real situação dos artesãos licenciados e a possibilidade de retirada para que as obras necessárias sejam executadas.

    Durante a conversa do dia 31 de março, foi exposto que a adequação e a reestruturação da Praça do Artesão é um pedido do Ministério Público e que se faz necessária a saída dos expositores do lugar, como também a regulamentação para retomarem o espaço, somente aqueles artesãos que estiverem em conformidade com a regulamentação do local. Assim, foi encaminhado à Procuradoria Geral do Município, para análise, um documento emitido pelos expositores, solicitando novo local para continuarem trabalhando até a finalização das obras e abertura da licitação.

    De acordo com a Assessora de Turismo, Sônia Rezende, desde meados de 2021, a Secretaria de Cultura e Turismo vem trabalhando no sentido de reestruturar a Praça do Artesão de Cachoeira do Campo, haja vista a existência de inúmeros problemas, desde a precariedade do imóvel no que se refere a sua estrutura, pois desde sua inauguração em 2012, nenhuma reforma e/ou, manutenção ocorreu por lá. Ainda que sejam muitos os problemas a serem solucionados, considero a pauta muito positiva. Há um projeto de reforma em andamento, que irá proporcionar melhores condições de trabalho para os permissionários e segurança para comunidade e visitantes”, ressalta Sônia.

    Com a reforma da Praça do Artesão, o município se beneficiará, para além do contexto financeiro, o retorno institucional, em obediência aos critérios fundamentais da criação da Praça do Artesão, para a cidade ter um local adequado para divulgação da nossa cultura através das artes dos saberes e fazeres da nossa região e a geração de emprego e renda para Ouro Preto. Fonte:PMOP.