Kombi da Poesia Itinerante de Itabira leva cultura Drummondiana para cidades turísticas do estado

    Combinando música, teatro e poesias, a Kombi semeia a cultura Drummondiana pelo estado

    A Kombi da Poesia Itinerante, difusora cultural de Itabira, cidade natal do grande poeta Carlos Drummond de Andrade, está realizando uma potente tour por cidades mineiras, levando poesia, música e expressão cênica para polos turísticos e tradicionais do estado.


    Para receber notícias no seu WhatsApp clique aqui

    E para receber notícias da nossa página no Facebook
    Se inscreva no nosso canal do you tube para receber nossas reportagens, clique aqui

    Por meio da combinação de teatro, música e poesia cantada, as linhas eternas do Poeta Carlos Drummond de Andrade tomam vida novamente, preenchendo espaços e corações ainda não alcançados.

    Com essa ação, os versos de Drummond e a cultura itabirana são semeadas, promovendo o acesso democrático e popularização de criações que fazem parte da trajetória artística de nosso país.

    O projeto

    O projeto foi desenvolvido mediante estratégias promovidas pela Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA) para difundir a obra Drummondiana. Assim, com a intenção de propagar poesia, essa convidou o artista Lucas Lage para desenvolver a concepção da Kombi Poética.

    Tudo isso com o propósito de levar a cultura itabirana e poesias Drummondianas pelas ruas da cidade, por meio da expressão artística de músicos e performistas.

    Os artistas transitam com a Kombi itinerante, declamando e cantando as instigantes poesias do poeta maior Carlos Drummond de Andrade.

    Espalhando, assim, sua obra e escritos, acompanhadas de melodias e composições originais, além de outras referências musicais da própria cidade de Itabira.

    A ação da Kombi Itinerante já promove essa disseminação da poesia Drummondiana por Itabira. Agora, alcança novas cidades que concentram a tradição da mineiridade e dialogam com a proposta de aceleração cultural e turística de municípios que são destinos apreciados e buscados por visitantes.

    Além disso, o projeto tem como intenção ressignificar a vivência social sob o contexto extrativista e de mineração, que impulsiona a economia local das cidades em que será apresentado.

    Tour da Poesia Itinerante

    Dessa vez, o projeto viaja por Mariana, Ouro Preto, São João Del Rei, Tiradentes e fecha a viagem em Belo Horizonte, que se relaciona profundamente com seus princípios.

    Essa viagem é motivada pela celebração da 21ª Semana Drummondiana, a qual homenageia os 120 anos do nascimento de Drummond, em 31 de outubro. Com isso, o momento é perfeito para espalhar a obra do poeta e a inventividade itabirana pelo estado.

    Para que as raízes poéticas itabiranas cresçam e floresçam por essas localidades, a Kombi passará por pontos-chave de cada uma delas, se apresentando sem aviso e surpreendendo a comunidade:

    Cidades das apresentações:

    ●     Mariana — 20/10

    • Ouro Preto — 21/10

    ●     São João del Rei — 22/10

    • Tiradentes — 23/10

    ●       BH — 24/10

    Os locais das apresentações ainda não serão divulgados, por a proposta ser arrebatar os espectadores, encantando-os com cultura inesperada, despretensiosa, além de entregar entretenimento gratuito aos moradores e visitantes da cidade.

    Os integrantes

    A Kombi da poesia Itinerante tem como atual organizador o intérprete, declamador e ator Lucas Lage, que convida: o violonista, Emmanuel Costa; o vocalista Yago Rios, que interpreta as canções; e a violinista Nouara Monteiro.

    Todos são artistas com referências autorais que, no entanto, se combinam coletivamente, permeando e construindo as apresentações e a cena. Eles interpretam as músicas e poesias por meio do gesto, ações, tramas, acordes, melodias brasileiras e arranjos autorais que cativam cada um dos ouvintes que se deparam com a Kombi da poesia.

    Estilo e estética

    A artista plástica itabirana Annosca é a responsável pelo figurino da Kombi e seus integrantes. A artesã desenvolveu as peças, usadas exclusivamente nas apresentações, com elementos que dão mais brilho e cores ms cenas reproduzidas e, com tudo isso, assumem o caráter da estética mambembe, de viés popular.

    Democratização e acesso m cultura

    Os principais agentes motivadores para os trabalhos da Kombi da Poesia Itinerante são o desejo e crença na importância da descentralização e democratização do acesso ms artes. Por isso, as apresentações levam essa pegada antagônica que contesta o senso comum de que poesia é algo erudito e inacessível.

    Nesse propósito, os quatro artistas seguem pelas ruas das cidades se apresentando gratuitamente, com um roteiro recheado de poesias e música popular, carregando em seu repertório a linguagem acessível e transformadora a todos os tipos de público.

    O grupo tem o apoio da Fundação Cultural Carlos Drummond de Andrade (FCCDA), por meio da Prefeitura de Itabira, que realiza diversas ações pela disseminação da cultura drummondiana.

    Para essa ação a FCCDA buscou investir no projeto de difusão e universalização da obra Drummondiana. Fazendo toda a programação e estratégia de fomento cultural, criando assim meios para a realização do circuito cidades históricas e capital

    O superintendente da Fundação, Marcos Alcântara, destaca:

    “São vários passos que esĒamos dando para o forĒalecimenĒo culĒural de IĒabira, um deles é a universalização culĒural, canĒando a nossa aldeia para o mundo. Nossa inĒenção é levar IĒabira em cada canĒinho do Brasil e do mundo, e sempre com Drummond. Queremos abrir as porĒas para aguçar a vonĒade das pessoas em visiĒar nossa IĒabira, cidade da poesia, do ecoĒurismo e berço da mineração.”

    As  apresentações  contemplam  todo  o  público:  de  crianças  a  jovens, percorrendo bairros, bares e locais públicos, a Kombi Itinerante passeia entregando teatro e poesia de forma ímpar!

    Para conhecer mais sobre o trabalho da Kombi da Poesia Itinerante, basta acompanhar as redes sociais do projeto.

    Além disso, você pode ficar por dentro de todas as informações sobre a cultura de Itabira e Drummond acompanhando a FCCDA!

    Kombi Itinerante:

    @kombitinerante

    (31) 99443-2254

    Fundação Cultural:

    @FCCDA

    (31) 3835 – 2102

    E se você vir a Kombi da Poesia Itinerante por aí, já sabe né? Posta nas redes e marca a galera, é assim que a cultura se espalha. Vamos juntos semear Drummond!

    Créditos Imagens: Divulgação | Kombi Itinerante

    Crédito texto: Divulgação I Kombi Itinerante